Homicídios crescem 26% em Fortaleza nos primeiros 5 meses de 2013

O número de homicídios dolosos (quando há intenção de matar) em Fortaleza cresceu 26% nos cinco primeiros meses de 2013 em comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com os dados divulgados nesta SSPDS nesta segunda-feira (8), foram 818 mortos este ano, ante 649 nos cinco primeiros meses de 2012. Em Maio foram 156 mortes, um aumento de 9,85% em comparação com Maio de 2012, que registrou 142 assassinatos.

Jangurussu e Barra do Ceará são os bairros que mais registraram mortes este ano, 29 homicídios cada um. Quando calculamos os locais mais violentos por mil habitantes, todavia, nenhum dos dois aparece. Proporcionalmente, Pedras foi o bairro mais violento de Fortaleza nestes cinco primeiros meses de 2013.

Dashboard 1

As regionais V e VI concentraram 49% dos homicídios este ano. A Regional IV registrou a menor taxa de assassinatos por mil habitantes, 0,19.

Regionais

Apreensão de maconha cresce 1008% nos quatro primeiros meses do ano em Fortaleza

Entre Janeiro e Abril deste ano foram apreendidos mais de 900 kg de maconha em Fortaleza. O valor representa um crescimento de 1008%, uma vez que em 2012, no mesmo período, a polícia tinha apreendido parcos 81 kg. De acordo com os dados da SSPDS, 929 kg de drogas foram apreendidos no 1º quadrimestre de 2013, enquanto que no mesmo período do ano passado esse valor foi de 119 kg. Um aumento de 675%.

Uma apreensão de mais de 650 kg de maconha em Março no bairro Guajeru, descrita pela polícia como a maior da história do Ceará, ajuda a explicar a discrepância dos gráficos a seguir. Quando comparamos, por exemplo, o valor apreendido de cada droga, observamos que os números da cocaína e do crack caíram. Dessa forma, a maconha representou impressionantes 97% das apreensões até Abril deste ano.

Dashboard 1

A Regional VI, onde fica localizado o Guajeru, respondeu por 72% das apreensões neste 1º quadrimestre do ano.

Dashboard 1

Quando olhamos os números de cada bairro, Guajeru representou 70% das apreensões. Em um distante segundo lugar, a Parquelândia aparece com 12%. A Aldeota fecha o pódio com 10% das apreensões de drogas nos 4 primeiros meses de 2013. Ou seja, os três bairros concentraram 92% das apreensões.

Bairros com mais apreensões no 1º quadrimestre

Para fechar, os campeões em cada categoria de apreensão. Destaque para a Aldeota, o Jangurussu e o Guajeru, que aparecem, cada um, em duas categorias no Top 5.

Top 5: os campeões em cada categoria

Apreensão de drogas em Fortaleza cresce 70,8% no 1º bimestre de 2013

O total de drogas apreendidas em Fortaleza em janeiro e fevereiro de 2013 é 70,8% superior em comparação com o mesmo período do ano passado. De acordo com os dados divulgados nesta quarta-feira (27) pela SSPDS, foram 151,2 quilos de drogas apreendidas este ano ante 88,5 quilos nos dois primeiros meses de 2012. O gráfico abaixo discrimina o valor apreendido de cada droga e compara com o ano passado.

Drogas apreendidas no 1º bimestre de 2013

Esse valor destoante da maconha deve-se a uma ação policial realizada em 15 de fevereiro. Um casal foi preso com 112 quilos da droga. Ou seja, apenas essa apreensão representa 74% do total de drogas apreendidas no bimestre.

Quando comparamos os bairros com maior volume de droga apreendida no primeiro bimestre, percebemos que não há um padrão. Nenhum dos dez bairros com maiores apreensões em 2012 aparece entre os “dez mais” de 2013.

Drogas por bairro no 1º bimestre

Mesmo quando detalhamos as apreensões por tipo de droga, poucas localidades aparecem mais de uma vez. Em 2013, Mondubim, Jangurussu/Conj. Palmeiras e Parque Santa Maria aparecem no top 5 de mais de uma categoria. Em 2012, por sua vez, nenhum bairro conseguiu a façanha.

Detalhe das drogas apreendidas por bairro

Para fechar, um panorama do montante de drogas apreendidas por Regional. Enquanto não aprendo a colocar essa informação em um mapa, fica assim. Para visualizar melhor, veja o mapa os limites de cada Regional.

Drogas apreendidas por Regional